quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Relacionamento: Matando o Dragão

"E ela foi presa no alto de uma masmorra pela sua tia-avó juntamente com um feroz dragão, até o dia que um cavaleiro a libertou..."


Como sabemos, não existe masmorra com princesa, princesa encantada, cavalheiro matador de dragão, dragão, e relacionamento sem discussão.

Relacionamento entre pessoas é a forma como elas se tratam e comunicam. E discussão, é o ato ou o efeito de discutir, exame de um assunto por meio de argumentos, argumentos que tem por fim chegar à verdade ou elucidar dificuldades. 

Embora todos esperem que seu relacionamento seja diferente, uma hora ou outro uma discussão ocorrerá. Mas isso não é o fim do mundo. Não se você souber o que falar.

"A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que ama comerá do seu fruto." Provérbios 18.21

No fervor de uma discussão, ás vezes é falado coisas que não deveriam ser ditas, ainda que sejam verdades, não deveriam ser expostas daquela forma, pois elas ferem. Mas é como um extinto, um bate aqui, e o outro se defende e rebate de lá. 

E parece que quando esse debate mais acalorado começa, não tem como parar. E quem para, é porque estava errado, e perdeu a 'luta', dando uma pseudossensação de vitória a quem fica. Uma vitória que não poderá ser compartilhar com aquele que mais ama. Uma vitória que é comemorada sozinha!

"Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho." Eclesiastes 4.9

Muitos levam a sério uma discussão, usam e abusam de argumentos totalmente distorcidos a fim de deixar o oponente no chão. Este vê uma discussão como uma verdadeira batalha. E seu oponente, como seu inimigo mortal de guerra.

Porém seu relacionamento não é um campo de batalha, e seu parceiro seu inimigo. E ainda que ele fosse, a Palavra de Deus fala que devemos ama-lo, e não destruí-lo.

"Quando muito se fala, maior é o risco de pecar; por isso, o sábio mede bem suas palavras." Provérbios 10.19

Uma pessoa sensata que conhece tanto a palavra de Deus quando seu cônjuge ou amigo, deve saber como entrar e sair de uma discussão. Primeiramente o foco não deve estar na pessoa, mas no problema. Não em achar o culpado, mas em sanar as dificuldades primeiramente. E ainda que essa discussão ganhe vozes mais elevadas e palavras afiadas, não se deve atiçar o extinto de guerra, mas antes, saber como agir. E o sensato agirá se calando, pois o seu silêncio falará bem mais alto que seus gritos.

"Quem sabe muito fala pouco; quem é sensato sabe manter a calma" Provérbios 17.27

Abster-se de uma discussão não é fácil. Ainda mais quando o centro das discussões é você. Mas quando isso acontecer, tenha em mente que uma batalha tem um alvo comum, a pessoa, e uma discussão, o problema, e quando sai disso, a melhor coisa a se fazer, é calar-se e se afastar.

Uma hora a pessoa irá cansar de tanto falar, e após a explosão de sentimentos, o que ela irá precisar é de descanso. Seja o descanso dela, mesmo outrora tendo sido o centro de seus ataques, tenha discernimento e a ame incondicionalmente, pois é nessa hora que ela(e) mais precisa de seu cuidado, compreensão e carinho. Pois nem todos tem sabedoria para resolver aquilo que lhe é imposto. 

Quando alguém começar uma discussão, tenha em mente isso: Não é uma guerra, não serei preso ou exilado se reconhecer que estava errado. Não perderei nada se me calar. Antes, colocarei meu relacionamento antes de minhas vontades, pois é ele quem devo preservar, e não uma briga.

Nem sempre é fácil matar o dragão que existe em nós ou nas outras pessoas. Suas palavras são como fogo, que queimam, destrói, marcam eternamente, e matam.

Faça um retrospecto agora. Suas palavras têm saído como fogo, que destrói, ou como água, que limpa, sara, trás refrigério?

"Existem palavras que machucam muito, mas as palavras do sábio trazem refrigério." Provérbio 12.18

Todos tem esse dragão em si como uma forma de ataque. Mas se usarmos ele em defesa de nós mesmos? Colocando-o preso no alto das nossas vontades maliciosas, para que quando formos explodir, saibamos ser sensatos, e ele queimará tudo o que não for da vontade de Deus, que é a melhor. 

Devemos controlar esse dragão antes que ele tome vida própria em nós, ao ponto de não sabermos mais nos controlar, ferindo aqueles por quem temos apresso... Saber como discutir é essencial para uma vida harmoniosa. E isso não se refere apenas ao relacionamento, mas também entre os amigos, familiares, no seu local de trabalho, onde existem uma ou mais pessoas que não são você!

Tenha sensatez na hora de falar. Calar-se não é um sinal de fraqueza, mas de sabedoria! 

Que Deus te abençoe!


Ronnedy Paiva
Colunista

Um comentário:

  1. Um relacionamento segundo a vontade de Deus.Texto maravilhoso,parabens!

    ResponderExcluir