quarta-feira, 18 de julho de 2012

O que realmente importa, Jesus.


            Acho que eu nasci na geração errada. Não me considero velho, só diferente. Não me considero acima do bem e do mal, apenas indiferente à algumas opiniões. Não sou duro demais a respeito da bíblia, só acho que ela é indiscutível. Não sou crítico a respeito de sermões, mas penso que tudo o que for feito para Deus, deve ser com excelência.
           
            Não sou nada moderno, acredito nas tradições. Não sou nada inovador, acredito na simplicidade. Não sou muito explicativo, apenas “sim sim e não não”.

            Acho que assim como Jesus, as vezes tenho vontade de quebrar tudo dentro dos templos sabe? Uma vontade de olhar para cada um dos que tanto falam de Deus, e nos “bastidores”, na intimidade, no dia-a-dia, na hora de colocar em prática “arregam” e questioná-los sobre a intenção do coração? (Lucas19:45-38 / Marcos 7:6 / Mateus 15:7-11).


                Às vezes, acho que isso é o correto, voltar ao primitivo. Concordo com inovações de vez em quando, é bom. Mas algumas vezes pareço cético. É como se fossem criados tantos enfeites, tantos ajustes, tantos atalhos que o destino acaba sendo esquecido.

            Concordo com o provérbio chinês que “estradas são feitas para caminhos e não para lugares”. Mas também concordo que se não há um alvo (Filipenses 3:14) a seguir, o caminho se confunde e o destino se perde. Você se confunde de peregrino para conterrâneo. 


            Existe apenas um caminho! Não existem meias verdades! E que só devo viver somente uma vida.(João 14:6)

                Creio na simplicidade da fé. Creio num Senhor manso e humilde(Mateus 11:29). Creio num Deus superior as minhas falhas. Creio num amor que me espera, crê e suporta(1 Coríntios 13:7). Creio que hoje eu vivo pela graça(Efésios 2:8). Creio que se Deus é por mim, quem será contra mim?(Romanos 8:31) Creio que posso subir no lugar mais alto, ou descer no lugar mais fundo, o Espírito de Deus me cercará (Salmos 139:8-10). Creio que nada é capaz de nos afastar do amor de Deus que está em Cristo Jesus, nosso Senhor (Romanos 8:38-39). Creio que tudo que eu escrevi aqui, não foi dito por mim, mas que é algo vindo Dele, por Ele e para Ele (Romanos 11:36).

            A Ele? A glória, o louvor e o domínio para todo sempre. Jesus Cristo, nosso Senhor, servo, amigo, salvador e messias. Não quer mais nada. Quer um espaço na sua vida somente.


Que Deus te abençoe, 
Que você seja cheio do Espírito Santo 





Mateus Machado
Colunista

Nenhum comentário:

Postar um comentário