segunda-feira, 7 de maio de 2012

Um Jesus intrigante

Como não se impressionar com a vida de Jesus? Como não se levantar e aplaudi-Lo? É quase impossível vê-Lo e continuar o mesmo, é ter o exemplo e achar a resposta!

Minhas palavras não poderão expressar minha admiração por este Homem, mas tentarei expor alguns pontos...

- Jesus de Nazaré, o Redentor. O Cristo que causava mudança aonde quer que Ele passa-se, que através do poder investido a Ele, pessoas eram curadas, amadas, e perdoadas. É realmente de "ficar de cara" com este Homem. Que desde Seu nascimento, vindo de uma virgem, através de promessa, causou tumulto. E já em sua adolescência, perdendo-se dos pais terrenos para cumprir a vontade do Pai celestial, era distinguindo.

Um multiplicador de peixes, um transformador de água em vinho, um andarilho moribundo. Como pode existir uma pessoa com tal conduta e não se espelhar nEle?

Tantas duvidas, tantas exclamações, tantos "porquês" respondidos com uma palavra. Na verdade, com uma atitude: AMOR!

Amor, sim, um sentimento quase arraigado da terra, pelo menos naquela época de conflitos entre Judeus e Romanos. Jesus revolucionou tudo isso, Jesus mesmo perseguido, conteve-se e permaneceu fiel a Deus, amando de tal maneira, que Se entregou para morrer em nosso lugar!

Um Filho, que era Pai, um Pai que era Filho. Que se importava com a salvação daqueles o desprezavam, que o humilhavam e que atiraram palavras brutas. Que veio para os doentes, pois são estes quem precisam de médico... Um Homem humilde, que aceitava jantar na casa de coletores de impostos, de fariseus, que Se permitia ser tocado por prostitutas e que tocava em enfermos, leprosos, pessoas odiadas e discriminadas.

Como pode tal homem ter que sofrer, pior, morrer? Um homem que parou para admirar uma flor, que percebeu a fé de um centurião, e que fez um milagre no tão guardado sábado. Como pode Ele apanhar e pedir que batam no outro lado da Sua face? Como podem ter feito isso com Ele?

Mas em tudo isso se agradou Jesus em fazer. Depois de sua ressurreição Ele veria os frutos... É aquela velha história, tem que plantar para colher. E Jesus plantou o que? A injustiça, o pecado, o ódio, a distinção?

Não, Ele falou de amor, amor um para com o outro. Falou de ser justo, e acolher aqueles que precisam de ajuda. De abominar o pecado e resisti-lo até o fim. De não fazer distinção de ninguém, pois somos todos feitura dEle, semelhança de Deus.

Jesus em tudo que fez me deixa completamente estupefato, intrigado, e totalmente apaixonado. E tem algo que Ele disse que me produz muita fé e esperança, que foi: 

"Em verdade, em verdade vos digo que aquele que crê em mim fará obras que eu faço e outras maiores fará, porque eu vou para junto do Pai. E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho." -João 14.12-13

A esperança que me vem, é que mesmo que Jesus não esteja fisicamente na terra, eu posso fazer aquilo que Ele fez, pois Ele está com o Pai, mas ainda permanece conosco, porém na forma de um "terceiro", O Espírito Santo, que é Deus e o Filho, a Trindade, a perfeição... Este anda conosco dia e noite, para nos lembrar das obras dAquele que passou pela terra, e fez tudo aquilo que podemos fazer, e inclusive mais. Pois em um mundo caótico, precisamos pregar o evangelho de Cristo, a verdade sobre o amor, trazendo esperança ao perdido, salvação ao desprezado, e cura ao quebrado...

Esse Jesus que eu conheço, é totalmente louco, apaixonante, e intrigante. E é a Ele a quem minha vida está entregue, para quem eu vivo, e tento ao máximo me parecer!

Conheça-O, e curta essa Piração Divina. Que Deus os abençoe!



Ronnedy Paiva
Colunista

Um comentário:

  1. Como todo grande pensador, Jesus foi espetacular; como todo grande filósofo, Jesus foi instigante; como todo grande líder, jesus foi carismático mas nenhum grande pensador, filósofo ou líder foi como Jesus, excelso e soberano!!!
    Parabéns pelo texto. Escreveu oq eu penso tb do nosso senhor! A paz.

    ResponderExcluir