quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

O que dirige sua vida ?

Tudo e qualquer indivíduo tem sua vida dirigida por algo. Existem centenas de circunstancias, valores e emoções que podem dirigir sua vida. Eis as 5 mais comuns:


Muitos são dirigidos pela culpa: Essas pessoas passam a vida inteira fugindo do remorso, ocultando sua vergonha e permitem que o passado controle seu futuro. Deus e especialista em dar às pessoas um novo começo. A Bíblia diz: Como é feliz o homem que tem suas desobediências perdoadas e seus pecados cobertos (Salmos 32.1).

Muitos são dirigidos pelo rancor e pela raiva: Se apegam a magoas, sem jamais superá-las. Em vez de aliviarem sua dor através do perdão, revivem-na de contínuo em sua mente. Você apenas machuca a si mesmo com sua amargura. Para seu próprio bem, aprenda com o passado e então afaste-se dele. A Bíblia diz: Ficar desgostoso e amargurado é loucura, é falta de juízo, que leva à morte (Jó 5.2).

Muitos são dirigidos pelo medo: Seus temores são provavelmente o resultado de experiências traumáticas e de expectativas ilusórias. Independentemente do que tenha causado tal situação, pessoas dirigidas pelo medo com freqüência perdem grande oportunidades por terem medo de correr riscos. Você tem de agir contra isso, com as armas da fé e de amor. A Bíblia diz: No amor não há medo, ao contrario, o perfeito amor expulsa o medo, porque o medo supõe castigo. Aquele que tem medo não está aperfeiçoado no amor (1 João 4.18).

Muitos são dirigidos pelo materialismo: Seu desejo de adquirir se torna o único objetivo na vida. Riquezas podem ser perdidas num piscar de olhos. A verdadeira proteção só pode ser achada naquilo que nunca poderão tomar de você – Seu relacionamento com Deus.

Muitos são dirigidos pela necessidade de aprovação: Eles permitem que as expectativas dos pais, esposas,filhos,professores ou ate mesmo dos amigos controlem sua vida. Não conheço as chaves do fracasso, mas uma chave para o fracasso com certeza é tentar agradar a todos. Existem outras influencias que podem dirigir sua vida, mas todas levam ao mesmo impasse: potencial não-aproveitado, estresse desnecessário e uma vida não-realizada.

AS 5 VANTAGENS DE UMA VIDA DIRIGIDA POR PROPÓSITOS

Conhecer o propósito de sua vida faz que ele tenha sentido: Fomos feitos para ser importantes. É por isso que pessoas usam métodos questionáveis, como astrologia e psicologia, para descobrir isso. Quando a vida faz sentido, você pode suportar quase tudo sem isso, tudo é insuportável. Sem Deus, a vida não tem propósito, e sem propósito a vida não tem significado. A maior de todas as desgraças não é a morte, mas uma vida sem propósitos. A esperança é tão essencial para sua vida como o ar e a água e ela é gerada quando se tem propósitos. Se você tem se sentido sem esperança, não desista! Coisas maravilhosas acontecerão na sua vida quando você começar a viver com propósitos. Deus diz: Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês, diz o Senhor, planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro (Jeremias 19.11). Você pode ter a sensação de estar enfrentando uma situação impossível, mas a Bíblia diz: ... pelo seu grandioso poder operando em nos [Deus] é capaz de fazer muito mais do que nos jamais ousaríamos pedir ou mesmo imaginar, infinitamente alem de nossas mais sublimes orações,anseios,pensamentos ou esperanças (Efésios 3.20).

Conhecer seu propósito simplifica a vida: Ele define o que você faz e o que você não faz. O propósito de torna padrão pelo qual você avalia quais ações são essências e quais não são. Você simplesmente pergunta: “Esse ato me ajuda a cumprir o propósito de Deus para minha vida ? “ . Uma vida dirigida por propósito leva a um estilo de vida mais simples e a uma agenda mais equilibrada. A Bíblia diz: A vida vistosa e arrogante é vida vazia; a vida simples e comum é vida plena (Provérbios 13.7). Isso também leva a paz de espírito: Tu, ó Senhor, dás paz e prosperidade às pessoas que têm uma fé firme, às pessoas que confiam em ti (Isaias 26.3).

Conhecer seu propósito direciona sua vida: Isso faz que seus esforços e energias se concentrem no que é importante. Você se torna eficiente ao ser seletivo. Sem um propósito definido, você continuará a alterar seus rumos, empregos, relacionamentos, igreja e outras circunstancias externas – na esperança de que cada mudança solucione a confusão ou preencha o vazio do seu coração. A Bíblia diz: Não viva descuidadamente, impensadamente. Certifique-se de que você compreende o que o Mestre quer. Se você quer que sua vida tenha impacto, focalize-a! Deixe de ser inconstante. Pare de tentar faze de tudo. Paulo disse: Aqueles de nós que almejam tudo o que Deus tem para nós fiquem concentrados nesse alvo (Filipenses 3.15).


Conhecer seu propósito estimula a sua vida: O propósito sempre produz entusiasmo. Nada traz mais vigor que um propósito claro. George Bernard Shaw escreveu: Esta é a verdadeira alegria da vida: ser usado por um propósito reconhecido por você mesmo como digno. Ser uma forca da natureza, em vez de um exaltado e egoísta amontoado de ressentimentos e frustrações, sempre reclamando que o mundo não se devota a torná-lo feliz.

Conhecer seu propósito o prepara para e eternidade: Muitas pessoas passam a vida tentando criar um legado a ser deixado sobre a terra. Elas querem ser lembradas quando partirem. Mas viver para criar um legado na terra é um objetivo miserável. Uma utilização mais sabia do tempo é construir um legado eterno. Você não foi posto na terra para ser lembrado. Você foi posto aqui para se preparar para a eternidade.
Chegará o dia em que você estará diante de Deus e Ele fará duas perguntas fundamentais: 

1° O que você fez com meu Filho, Jesus Cristo?  Deus não vai perguntar cobre seus antecedentes religiosos ou visões doutrinárias. O único ponto importante será: “Você aceitou o que Jesus fez por você, aprendeu a amá-lo e confiar nele ?”
2° O que você fez com o que lhe dei ? O que você fez com sua vida – todas as dádivas, talentos,oportunidades, energia, relacionamentos e recursos que Deus te deu ? Você os gastou consigo mesmo ou os utilizou para os propósitos que Deus lhe deu ?







Carol Cruz
Colunista

Nenhum comentário:

Postar um comentário