quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Medo

O medo é uma sensação que todos nós experimentamos num momento ou outro de nossas vidas. Isto acontece simplesmente porque somos humanos. O medo é um sentimento que proporciona um estado de alerta demonstrado pelo receio de fazer alguma coisa, geralmente por se sentir ameaçado, tanto fisicamente como psicologicamente. Existem temores naturais e praticamente involuntários, que inclusive nos ajudam a preservar a vida e a evitar o mal. 

           Jó disse: "aquilo que temo me sobrevém, e o que receio me acontece..." ( Jó 3:25 )
Medo de ficar sozinho? Medo do futuro? Medo de se relacionar com as pessoas? Medo de fracassar? Medo dos desafios que surgiram diante de você? Medo de perder o caminho? Medo de ser abandonado? Medo de morrer?. Estes temores são uma resposta quase involuntária de auto-preservação, de proteção e trabalham a nosso favor quando se encontram dentro da realidade e do equilíbrio.


          Devemos ter bom senso, usar sabedoria no agir, ter equilíbrio e moderação. Mas existe um medo que é diferente destes simples temores naturais; é um medo que atormenta quem o possui, que o aprisiona, o impede de desfrutar de uma vida de paz e não o deixa viver em liberdade e confiança. A Bíblia, em 1 João 4:18, diz assim: "o medo produz tormento". Este tipo de medo é uma sensação paralisante que nos acovarda diante da vida, das oportunidades, dos desafios, dos relacionamentos, das dificuldades, dos problemas, e nos faz viver sempre fugindo! De alguma forma, você está assim hoje? Você está sendo dominado e controlado pelo medo hoje?


         Todos nós experimentamos algum medo num momento ou outro dependendo da situação; mas o grande problema, não é senti-lo; é quando este momento de medo se transforma num estilo de vida de medo... Quando isto acontece, passamos a viver para nos defendermos, passamos a viver abortando sonhos, fugindo de responsabilidades, rejeitando oportunidades, fugindo dos relacionamentos...Não vivemos mais; só reagimos às feridas do nosso passado... O problema, não é o que sentimos, mas o que conscientemente escolhemos fazer com o que estamos sentindo! Isto é humano, e muito natural quando você está diante de uma situação para a qual sente-se despreparado ou inadequado... quando você se conscientiza de sua humanidade e pequenez... Mas nós podemos conscientemente escolher não desenvolver o medo como nosso estilo de vida!
Em 2 Crônicas 20:3, o rei Josafá se viu cercado por um exército numeroso, e a Bíblia diz que ele teve medo! Mas ele não parou aí...ele teve medo, mas se pôs a buscar ao Senhor! Esta é a resposta. A primeira vez que o homem sentiu medo, de acordo com a Bíblia, foi quando ele se afastou de Deus. Nós fomos criados para desfrutarmos de íntima comunhão com Deus, e a quebra desta comunhão afetou todo o nosso ser. Quando o homem se afastou de Deus, ele se sentiu completamente desprotegido, exposto, nu...Ele percebeu sua fragilidade, sua pequenez, suas limitações pessoais...E ele passou a ter medo...Sua psique foi afetada pela insegurança, pelo temor, pela desconfiança, pela consciência de sua própria humanidade limitada. Em 1 João 4:18, a Bíblia diz "No amor não existe medo; antes, o perfeito amor lança fora o medo. O que teme não é aperfeiçoado (amadurecido) no amor"


        Você percebe? É quando estamos descansando nosso coração na certeza do amor de Deus que somos libertos do medo. O perfeito amor lança fora o medo... É quando temos esta convicção e verdade amadurecida e arraigada dentro de nós, que somos livres desta paralisia que o medo tenta causar às nossas vidas.
Deus ama você incondicionalmente! Ele se importa com você! Ele provou seu amor quando deu Seu Filho Jesus para morrer na cruz pelos seus pecados, para trazer você de volta para Sua comunhão. Alguém se importa com sua vida! Você é especial e importante para o Ser mais maravilhoso e magnífico do universo: DEUS! Mesmo que todos estejam contra você, "se Deus é por nós, quem será contra nós?"
A Bíblia diz cerca de 365 vezes "não temas!". Um para cada dia do ano. E a razão que ela nos dá é que Deus nos ama e que Ele tem um plano para as nossas vidas. Quando entregamos nossa vida sinceramente a Jesus Cristo, e O recebemos como Senhor e Salvador (João 1:12,13), Deus faz com que todas as coisas, mesmo as mais absurdas, cooperem para o bem daqueles que O amam! Ele não nos promete um "mar de rosas", ou uma ausência de lutas e problemas, mas nos promete a Sua presença ao nosso lado! Ele disse "eu nunca te deixarei, jamais te abandonarei".


        O medo nos leva a vivermos sempre para agradarmos a maioria, para não sermos rejeitados por eles. Ficamos escravos da aceitação dos outros, porque temos medo de sofrermos sua rejeição. Alguns até abrem mão de princípios morais e éticos por causa deste medo da rejeição... Talvez isto esteja acontecendo com você...


       O medo nos leva a não desenvolvermos o potencial que Deus depositou dentro de nós. Ficamos encolhidos, estagnados...parados no tempo!


       O medo nos amarra interiormente. Nunca utilizamos os dons e talentos que recebemos de Deus. Temos medo de falhar, de que alguém não nos reconheça, de que riam de nós, etc. Será que isto está acontecendo com você? O medo nos leva a uma vida interior desequilibrada de ansiedade, angústia e desespero. O medo, diz a Bíblia, "produz tormento". Passamos a viver fugindo e prisioneiros de nossas circunstâncias. Não conseguimos crer que Deus possa intervir em nossas vidas! Se você vive apenas dependendo do que pode fazer, do que sabe, do que entende, do que conhece...então você está preso às suas próprias limitações! Mas quando você confia em Deus, você vive com equilíbrio, bom senso, sabedoria... Você encara a realidade de frente, mas você sabe que há um Deus que te ama apaixonadamente e que Ele pode agir em teu favor!


      Reconheça seu medo diante de Deus! Fale para Ele exatamente o que você está sentindo...seja honesto! Fale com Ele como quem fala com seu melhor amigo e confidente. Quando for tentado a escolher o medo como estilo de vida, lembre-se que você pode confiar em Deus! Entregue seu medo para Ele e escolha a vida! Deus nos deu um modo poderoso para combater o medo. Sabe qual é? A oração, o louvor e a Sua Palavra. Orar é falar com Deus. Fale para Ele tudo que você tem no seu coração. Entregue para Ele os seus temores e receba dEle a Sua paz. Louvar é declarar as grandezas de Deus, é lembrar-se de como Deus é bom, de como Ele é fiel, de como Ele nos ama, de como Ele é sábio, poderoso, grande, magnífico, e começar a exaltá-lo por isto!




Carol Cruz
Colunista

Um comentário:

  1. Parabéns à todos os organizadores, ótimo trabalho o de vocês, que Deus abençoe muito !

    ResponderExcluir