domingo, 7 de agosto de 2011

A quem enviarei?



"Quando Deus enviar alguém, quem irá,
ou ouvirá sua voz quando Ele chamar?
Será que essas são as mãos que Ele vai usar?"
E eles lhes traziam as vasilhas, e ela as enchia." 
(2 Reis 4:5b)

Creio que quase todos já ouviram ou leram 2 Reis 4, na qual narra a a história de uma mulher que, perdendo o marido, se achegou a Eliseu e pediu lhe ajuda, pois seu marido deixou-lhe dividas, e os credores queriam seus filhos como pagamento. Eliseu questionando-a sobre o que tinha, falou-a: "Dize-me o que é que tens em casa. E ela disse: Tua serva não tem nada em casa, senão uma botija de azeite. (Eliseu:) Vai, pede emprestada, de todos os teus vizinhos, vasilhas, não poucas, e deita azeite em todas aquelas vasilhas, e põe à parte a que estiver cheia"

E nesse momento, creio que aquela mulher vendo os seus filhos, enviou-os a fim de não perde-los. 

***

E aí, você tem se disposto a ser enviado? - Deus levanta muitos missionários, pastores, adoradores, e servos para o seu rebanho, mas nem todos aceitam. Às vezes seu pastor, ou líder, precisa de algo, uma ajuda, e ele pergunta: "Alguém se dispõe?" e geral abaixa a cabeça.

Jesus em João 4:23 diz: "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adoração o Pai em espirito e  verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem

A adoração não é necessariamente o levantar de mãos no louvor, o quebrantamento na "adoração", o canto, a musica. A adoração vai muito além disso. Ela deve se consistir em sua vida, através dos seus gestos, palavras e disposição.

"Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia:
A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então disse eu: 
Eis-me aqui, envia-me a mim."
(Isaías 6:8)

Isaías recebeu o chamado, embora sendo homem de lábios impuros, e vivendo com um povo de lábios impuros, depois do toque do anjo do Senhor em sua boca, ele se colocou a disposição de Deus, e se tornou profeta do Senhor.

Todos os discípulos de Jesus largaram tudo para um chamado maior, e seguiam o Mestre por onde quer que  Ele fosse. Mas hoje não a necessidade de segui-lo por onde Ele for, pois o Pai enviou o consolador, que habita em vós, o Espirito Santo, que nós ensinará todas as coisas, e nos fará lembrar-se de tudo quanto Jesus disse. 

E por onde quer que formos, para quem quer que preguemos, seremos instrumentos de Deus, como um vaso que retém o óleo, que vem do Senhor, e que posteriormente é compartilhado com os outros, pois somos chamados para isso, PREGAR O EVANGELHO A TODA A CRIATURA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário