terça-feira, 26 de outubro de 2010

Mãe! Será que eu posso?



  Tema engraçado não é?  - TALVEZ...
Quem já não pediu alguma coisa para a mãe ou para o pai usando uma frase parecida com essa?
Nós sabemos que é sempre necessário consultarmos alguém que tenha mais "experiência" que nós. Seja a mãe, pai, irmão, amigo, líder, pastor, enfim, com quem se sinta mais a vontade.

- Esses dias perguntei para a minha mãe se podia fazer uma tattoo com o nome dela...
Ela ficou muito brava, disse muitas coisas que me fizeram refletir, mas não mudar de opinião em fazer a tattoo...
Eu poderia muito bem ter feito a tatuagem sem o consentimento dela, pois já tenho 18 anos. E poderia chegar para ela e falar "olha o que eu fiz". Mas, com certeza ela ficaria muito mais brava  comigo, por ter feito a tatto sem a "permissão" dela.
E poderia me arrepender amargamente... Uma boa escolha pode nos trazer muita felicidade, mas, uma escolha má feita, também pode nos trazer arrependimento.

Pois bem, orientarmos com alguém é expressamente importante para tomarmos uma decisão. Antes de qualquer coisa que ansiamos fazer, devemos ter um "tete-a-tete" com Deus, por mais fútil que possa parecer o que vamos escolher!
Com certeza Ele tem as melhores orientações, Ele tem até um livro que nos orientas em várias áreas da vida, dizendo como nos comportamos diante de certas situações e como termos uma vida maravilhosa.
Neste livro, encontramos histórias reais de homens que buscavam a Deus em tudo, e outros que não buscaram a orientação dEle. Este livro é antigo, porém a sua palavra se renova a cada dia. E lemos que, desde muito antes de existirmos, haviam pessoas que "quebraram a cara" por não estarem sobre orientação do Mestre.

Quando colocamos nossa fé em nós mesmos, e em falsos idolos, e tomamos decisões importantes sem orientação, acabamos com a "cara no chão" e com uma vontade enorme de voltarmos atrás para concertamos o erro. Quando isso acontecer, devemos reconhecer o nosso erro, nos arrependermos de coração, percebendo que somos fracos sem Deus, e que carecemos de sua palavra e misericórdia. Pois, "suas misericórdias não têm fim;" - Lamentações 3: 22b.
O Homem nasce com o pecado dentro de si, e todos os dias pecamos por isso da necessidade de pedirmos perdão a Deus, e buscar- mos a sua palavra, que nós traz refrigério e sabedoria para escolhermos com esperteza e excelência.


-Não sou o melhor orientador, conselheiro, etc. Mas conheço o maior orientador. E tenho o livro dEle, onde contem todas as saídas que venhamos precisar, e todas as instruções para a vida, e vida eterna. Então, se alguém precisar, já sabe "É NÓIS"...

Gostaria de agradecer a Deus pela inspiração, e a Lari Carmona pelo apoio.

Obrigado...

Nenhum comentário:

Postar um comentário